La convenance dans l’Ethique: pour une théorie immanente de la vérité

La convenance dans l’Ethique: pour une théorie immanente de la vérité

por Maxime Rovere

Resumo

A filosofia de Spinoza se apresenta como um todo fechado em si mesmo, de tal forma que é difícil determinar qual é o lugar que a verdade ocupa na obra. A partir do conceito de conveniência, o presente artigo mostra que a alternativa entre coerência e correspondência é resolvida na Ética pela simples produção do pensamento. Portanto, a verdade torna-se uma relação imanente ao fato de produzir, de modo que Spinoza pode propor uma solução totalmente original para sair do relativismo, segundo o qual é o indivíduo, e não Deus, que garante o valor absoluto de suas ideias.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como citar este artigo
ROVERE, Maxime. La convenance dans l’Ethique: pour une théorie immanente de la vérité. O que nos faz pensar, [S.l.], v. 25, n. 38, p. 101-114, june 2016. ISSN 0104-6675. Disponível em: <http://www.oquenosfazpensar.fil.puc-rio.br/index.php/oqnfp/article/view/491>. Acesso em: 20 aug. 2017.
Seção
Artigos